quinta-feira, 8 de outubro de 2015

#Resenha: Otelo, William Shakespeare

Olá gente, tudo bem??

A resenha de hoje é um de meus livros preferidos da vida, que embora seja um pouco triste (muito, na verdade) é lindo de refletir e pensar sobre a vida que levamos.

Confiram!


Otelo casa-se escondido com Desdêmona selando assim, sua ruína. Pois além do pai da noiva ir contra o casamento, ainda acaba por atiçar a ira de Iago - cujo sempre o invejou, e esperava receber um cargo importante do mesmo, mas é vencido por Cássio.

Iago usa a seu favor o momento sensível de Otelo, como recém casado que tem de viajar afim de negócios e deixa sua amada esposa por meses, e ataca Otelo na surdina lançando insinuações da "deslealdade" de Desdêmona.

Sem saber, Emília - mulher supertraída de Iago -, e Cássio aproximam-se de Desdêmona, caindo em meio a pistas que Iago arma, levando Otelo a crer que Desdêmona e Cássio tem um caso.

O relacionamento de Otelo e Desdêmona é lindo. Eles se amam apesar da diferença de classe e idade, tem uma ligação forte, entretanto, o ciúmes de Otelo põe tudo a perder, deixando de acreditar e dar a chance de se explicar à Desdêmona, e contribuindo com as artimanhas do invejoso demoníaco Iago.
"Só amei uma vez na vida, muito, muito... Mas, para minha desgraça, não soube amar..."
O final é desesperador! Uma verdadeira tragédia que te deixa de boca aberta sem palavras, nem suspiros!!!

Shakespeare inova e ao mesmo tempo, eterniza. O velho e habitual sentimento humano que destrói e abusa de tantos casais, juntamente com o câncer invejoso que dilacera tantas e tantas almas.

Aqui eu vejo e confirmo, ao ler esse livro: a inveja e o ciúme mata e leva ao derradeiro fracasso sem volta a qualquer ser humano. Seja aquele que sente, seja aquele que é atingido.

Mais que recomendado! Te fará refletir sobre os sentimentos que te alimentam e te conduzem, além dos que te cercam.

Beijos,

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

#Resenha: O Plano é o Amor, Neiva Meriele

Oiie gente, beleza aí??

Hoje trago a resenha de um romance evangélico muitoooo bom e inspirador, TODO MUNDO deveria lê-lo, embora contenha partes que nem todas as pessoas entendam. CALMA aí, que já explico o porque.



Giovana é casada há uns 5 anos com Ricardo, e desde então moram com a tia que criou o rapaz, Neli.

Neli é uma mulher horrível. Nojenta, grossa, maliciosa, insuportável, terrível. Parece o capeta encarnado.

Faz de tudo para separar o casal. Inventa mentiras, joga um contra o outro. Perturba-os por tudo, principalmente a Giovana. Reclama da comida, da limpeza da casa, enfim, uma pessoa que de longe percebemos o quanto é infeliz, perturbada e que nutre muito ódio no coração, destilando-o a todo momento.

Ricardo é claro que ama a tia, mesmo ela aprontando tantas barbaridades, afinal, foi ela quem o criou, quando seus pais morreram. Sua esposa vive angustiada com essa situação. Não se sente bem ao lado da tia do marido, nem ao mesmo consegue amá-la como parente. Passa os dias desejando viver longe dessa mulher amargurada.

Apesar de Rick amar profundamente a jovem esposa, sempre carinhoso e cúmplice. Entende sua frustração, mas pede a ela que aguente firme, até que consigam juntar um bom dinheiro e poderem ter o cantinho deles. Mesmo sob o clima tenso na casa, ele é o que mais suporta, sem ficar com raiva da esposa ou da tia, buscando confortá-las sem criar mais contendas.

Giovana é evangélica e sempre soube que tinha dons espirituais. É aí que entra a parte que nem todo mundo que ler o livro entenderá. Dependendo da religião da pessoa, ela não aprende sobre dons espirituais, aqueles que são citados na Bíblia: Revelação (discernimento, visão), Palavra, Fé, Curas, etc. (conforme 1 Coríntios 12).
To falando isso, porque li algumas resenhas que dizem ter coisas fantasiosas no livro, GENTE, FIQUEI CHOCADA, TÁ??! Não tem nada de fantasioso, dons espirituais, TODOS NÓS TEMOS, só que nem todo mundo busca desenvolve-los. Daí vai da fé de cada um (pronto, desabafei!).

Pois bem. Giovana tem uma visão, e um sonho que mostram à ela o que fazer para mudar sua situação, pois por uma armação da tia Neli, ela perde o marido tão dedicado, é humilhada por não conseguir engravidar, enfim, perde o chão. E através deste sonho, Giovana enxerga qual é o plano de Deus para a família, como driblar as artimanhas do diabo, e de tantas pessoas que tentam nos destruir - SEM NOS VINGARMOS.

Só que como tudo, tem um porém. Giovana tem uma missão vinda diretamente de Deus para cumprir. Qual caminho escolher? O do amor ou do ódio??! 

Eu amei o livro, ele é curtinho e muito bem escrito. Li em duas horas. A Giovana perde tudo que acredita, tudo o que tem. Fica completamente sem rumo, mas Deus lhe concede a graça de ver e entender qual a melhor e mais eficaz maneira de ultrapassar nossas provas e conquistar nossas vitórias, conforme a vontade Dele.

Repito: é lindo demais. Essa jovem passará por humilhações, desavenças provocativas, e apenas pela fé ela ajudará a mudar como um vaso do Senhor a vida da louca amargurada Neli, e terá seu final feliz.

Aprendi muito com esse livro, sabe. Entendi coisas que não tinha compreendido nesses meus 20 anos evangélica. Já questionei tanto Deus por que há pessoas que fazem de tudo para acabar com a gente. E esse livro ME TROUXE A RESPOSTA!

Indico-o para todas as pessoas, não fique com medo por ser temática voltada pro gospel, porque é falado mesmo do amor de Deus. Só a questão da visão que eu sei que nem todas as pessoas acreditam/conhecem esse dom, que sim, existe.

Leeeeiam! Não percam mais tempo, é muito bom mesmo!!
A Neiva arrasou!!! Não vejo a hora de ler seu outro livro, A Hora da Verdade.

Beijos,
Ana M. 

P.S.: Lembrando que os dias de resenhas são domingo, segunda e quinta, porém, como estava sem pc, estou postando essa de bônus pra vocês! rs
Amanhã volto com mais novidades!!